22º Rally RN 1500: Scratch de Zé Hélio/Weidner e liderança de Ambrósio/Cadu no acumulado

22º Rally RN 1500: Scratch de Zé Hélio/Weidner e liderança de Ambrósio/Cadu no acumulado

User Rating: 5 / 5

Duas duplas dos Buggys Giaffone no Top 3 desta sexta-feira, no trecho entre Campina Grande (PB) e Parelhas. A terceira etapa acontecerá neste sábado, Jucurutu/Triunfo/Mossoró

 

Parelhas (RN), 11/09/20 – O dupla de UTV mais rápida da segunda etapa é de São Paulo. Bruno Varela e Gustavo Bortolanza, de Barueri (SP), venceram no trecho entre Campina Grande (PB) e Parelhas (RN), com 206,4 quilômetros de especial. Eles completaram a prova com o tempo de 2h24min47seg, ficando em segundo Denisio do Nascimento e Idali Bosse, vencedores na quinta-feira, com 2h26min28seg, e em terceiro Riamburgo Ximenes e Flávio França, atuais campeões do Rally RN 1500, 2h29min35seg.

Para este sábado, terceiro dia de competição, os competidores começarão a enfrentar um novo cenário. O trecho será entre Jucurutu/Triunfo/Mossoró, com 288 km e 199 km de especial, e marca a transição do sertão de pedras para as estradinhas de terra batida. O dia tem características bem diferentes: estradões, poucos trechos travados, vários trechos sinuosos e rápidos com piso bom, mas também tem serras, pedras, areia e uma navegação que não permite erro.

Veja também:

Equipe do Stark/Goodyear desbravará o Sertões 2020 Equipe do Stark/Goodyear desbravará o Sertões 2020
A bordo de dois veículos Stark, o grupo é comandado pelo repórter fotográfico Haroldo Nogueira de Sá Junior. A competição conta com 403 competidores e...
Rally RN1500: Rally RN1500: "Foi um belo desafio", diz Cristiano Rocha
Prova com roteiro entre a Paraíba e o Rio Grande do Norte contou pontos para o Campeonato Brasileiro de Rally Cross Country...

A segunda etapa do 22º RN 1500 não deu moleza para os participantes. Como na prova de estreia, nesta sexta eles precisaram de força para resistir às pedras e de muita atenção na navegação. Esta, aliás, foi a descrição do vencedor Bruno Varela. “Foi uma etapa dura. Não como a de quinta, mas também com muitas pedras e referências que obrigaram o navegador a estar bem atento. Em toda minha carreiras, essas duas primeiras etapas do RN foram as mais difíceis que enfrentei”, declarou. “Fizemos um dia limpo e soubemos superar os obstáculos”, completou.

Embalado pelo bom momento, ele destacou que as expectativas são as melhores possíveis. “Esperamos continuar com essa maré de sorte, andando forte mas poupando o equipamento. Estamos trabalhando para vencermos ao 22ª RN 1500, assim como fizemos no Rally do Jalapão no mês passado”, finalizou Bruno, que ocupa a segunda colocação na categoria, totalizando 5h00min41seg, logo atrás do líderes Denisio do Nascimento e Idali Bosse, com 5h00min26seg.

Nas outras categorias, vitória nas motos do francês Adrien Metg (MT1/YAMAHA WR 450F), com 2h22min44seg. Com o resultado, o piloto ocupa a segunda colocação na geral, com 4h59mn43seg. A primeira colocação está com o mineiro Tunico Maciel (MT1/HONDA CRF 450RX), com 4h58min35seg. Gregorio Caselani (MT1/HONDA CRF 450RX) aparece em terceiro, 5h07min03seg.

Nos carros, a dupla José Hélio/Weidner Moreira (OPGIAFFONE BUGGY V8) levou a melhor, com o tempo de 2h30min27seg, seguido por Marcos Moraes/ Fábio Pedroso (PRT/TREX),, 2h35min18seg, e Carlos Ambrosio/Cadu Sachs (OP/GIAFFONE BUGGY V8), com 2h36min12seg. Na classificação geral após a segunda etapa Carlos e Cadu lidera com 5h15min20seg, vindo em segundo Dan Rocha Nacif Dan Rocha Nacif/Leonardo Magalhaes (PRB/SHERPA), com 5h21min40seg, e Pietro Branchina Neto/Henry Ritter (SPD/MITSUBISHI TRITON ER), com 5h32min50seg

A edição deste ano tem cinco etapas, com cerca de 986 quilômetros de percurso na Paraíba e Rio Grande do Norte, sendo 764,4 quilômetros de trechos cronometrados. O evento, organizado pela KTC Produções e com supervisão da Confederação Brasileira de Motociclismo (CBM) e Confederação Brasileira de Automobilismo (CBA), é válido pela segunda etapa do Brasileiro de Rally Cross Country, reunindo participantes nas categorias Carros, Motos e UTVs.

Resultados

2ª Etapa – Campinas Grande/Parelhas – 206,4 km

Carros

2ª Etapa

1) Jose Hélio/Weidner Moreira (OPGIAFFONE BUGGY V8),02:30:27
2) Marcos Moraes/Fabio Pedroso (PRT/TREX), 02:35:18
3) Carlos Ambrosio/Cadu Sachs (OP/GIAFFONE BUGGY V8), 02:36:125
4) Dan Rocha Nacif/Leonardo Magalhaes (PRB/SHERPA), 02:37:58
5) Pietro Branchina Neto/Henry Ritter (SPD/MITSUBISHI TRITON ER), 02:41:50
6) Paulo Góes/Humberto Ribeiro(PRB/MITSUBISHI TRITON RS), 02:41:53
7) Cristiano Rocha/Anderson Geraldi (SPD/MITSUBISHI L200 RS), 02:44:34
8) Marco Tulio Lana/Erick Rocha (PRB/MITSUBISHI TRITON EVO), 02:46:43
9) Bartolomeu Nunes/Joel Kravtencho(SPD/MITSUBISHI TRITON SR), 02:51:10
10) Gerson Wessler/Joa Bicudo (PRT/MITSUBISHI TRITON RS), 03;)1;16

Geral após duas etapas

1) Carlos Ambrosio/Cadu Sachs (OP/GIAFFONE BUGGY V8), 5:15:30
2) Dan Rocha Nacif/Leonardo Magalhaes (PRB/SHERPA), 5:21:40
3) Pietro Branchina Neto/Henry Ritter (SPD/MITSUBISHI TRITON ER), 5:32:50
4) Cristiano Rocha/Anderson Geraldi (SPD/MITSUBISHI L200 RS), 5:39:32
5) Marco Tulio Lana/Erick Rocha (PRB/MITSUBISHI TRITON EVO), 5:43:14
6) Bartolomeu Nunes/Joel Kravtencho(SPD/MITSUBISHI TRITON SR), 6:02:43
7) Daltro Maronezi/Luciani Maronezi (SPD/MITSUBISHI TRITON ER), 6:04:50
8) Gerson Wessler/Joa Bicudo (PRT/MITSUBISHI TRITON RS), 6:09:14
9) PAULO GOES/HUMBERTO RIBEIRO (PRB/MITSUBISHI TRITON RS), 7:11:53
10) Jose Hélio/Weidner Moreira (OPGIAFFONE BUGGY V8), 8H30:27

* Extra Oficiais - para resultados completos, acessar www.chronosat.com.br.

COVID - 19

Em relação ao Covid-19 a organização da prova adotou o protocolo sanitário complementar de reforço setorial das duas confederações, de automobilismo e motociclismo, com o objetivo de preservar a saúde de todos, ficando estabelecido que: não será permitida a participação de pessoas que tem ou teve temperatura corporal superior a 37,5° nos últimos 05 dias; Tem ou teve algum dos outros sintomas nos últimos cinco dias, a saber: perda de paladar, perda de olfato, tosse seca, dificuldade respiratória, fadiga, congestão nasal, dor de cabeça, diarreia; Esteve em contato direto com pessoas positivas para Covid-19 nos últimos 14 dias, ou com seus próprios familiares, mesmo que assintomático. O uso de máscaras é obrigatório em todo o período do evento e de responsabilidade da equipe, assim como o álcool em gel.

Programação

12/09
Terceira Etapa
Jucurutu x Triunfo x Mossoró (RN)
288 km / 199 km especial

13/09
Quarta Etapa
Mossoró x Assú x Porto do Mangue x Areia Branca x Mossoró
245 km / 219 km especial

O 22º Rally RN 1500 é uma realização da KTC Produções e supervisão da Confederação Brasileira de Motociclismo (CBM) e Confederação Brasileira de Automobilismo (CBA); Federação Potiguar de Automobilismo (FPA) e Federação de Motociclismo do RN (Femorn). Apoio Café São Braz, Sebrae PB, Cachaça Matuta, Armil Mineração Nordeste, Fosco & CIA e parceria da Gestus Soluções em Gestão, Armação Propaganda, Motofaz, Construtora e Incorporadora Andrade Marinho, Bom Demais e Escola Escritório.

Mais informações no site www.rn1500.com.br

MBraga Comunicação – Marcelo Eduardo Braga – Mtb 18324
Rio Grande do Norte
Luciana Tito - JP 100
Foto: Claudiney Sandro/DFotos

Curtir
Curtir
Aí Sim!
Amei
#chatiado
PQP!
#tixti
0
0
0
0
0
0