Em clima de decisão, a prova Rally Rota SC foi acirrada neste domingo

Jul 02 2017

Após disputa na região de Lages (SC), foram definidos os campeões da edição 2017

Lages (SC) - Com o total de 525 quilômetros de roteiro inédito e dois dias com percursos diferentes, a 6ª edição do Rally Rota SC que aconteceu pela segunda vez na cidade de Lages (SC) e passou na Coxilha Rica, além das cidades de Rio Rufino, Bom Retiro, Capão Alto, Painel e Bocaína do Sul, teve uma final de arrepiar na disputa entre as modalidades participantes do evento do off-road nacional.

As equipes de motos, quadriciclos, UTVs e carros mais constantes celebraram o resultado depois das especiais do sábado e do domingo, 1º e 02 de julho, válido para a 7ª e 8ª etapas do Campeonato Brasileiro de Rally Cross Country. A cerimônia de premiação foi realizada na praça de alimentação do Lages Garden Shopping.

Como era esperado, o frio chegou sob a região serrana de Santa Catarina, na madrugada os termômetros marcaram 2º graus negativos, e deixou a disputa do rali ainda mais desafiador. Neste domingo, 02, o segundo dia contou com uma especial mais rápida. Na primeira parte foi em estilo “WRC”, muita curva de alta, subidas e descidas, trechos travados e na parte final com pedras. Bem diferente do primeiro dia de prova que teve características de piso de cascalho, muitas pedras, travessia de rios e riachos, também com descidas e subidas e trilhas sinuosas.

Luiz Facco/Humberto Ribeiro (Protótipos T1), a bordo do Mitsubishi Triton Sport RS, venceram os dois dias de disputas e conquistaram o lugar mais alto do pódio para a equipe Acelera Siriema. "Andamos forte, em um ritmo bom e deu para manter a diferença de tempo que tínhamos e levar o troféu do Rota SC", declarou o piloto.

"Estou feliz é muito gratificante. Largamos bem e em um ritmo bom. Como estávamos com uma boa vantagem do segundo colocado, por isso fomos bastante conservadores. Estávamos focados no objetivo de ganhar o Rota SC e a conquista do Brasileiro Cross Country", comemora o navegador líder do Brasileiro Cross Country.

Tunico Maciel foi o grande vencedor na categoria Motos, fez o melhor tempo no primeiro dia e ficou em segundo na especial do domingo na categoria Production Aberta. “Em geral foi um ótimo rali que exigiu muita técnica dos pilotos na planilha, bom equipamento e uma atenção na planilha. Estou muito feliz com o meu desempenho e não me arrisquei em momento algum e foi um ótimo treino para os Sertões”, comemorou o piloto de Lavras (MG) que esteve no comando da Honda / CRF 450X, com o tempo de 05h16min09seg.

O multicampeão Jean Azevedo fez estreia no Rally Rota SC. “A organização fez um excelente rali, foi uma surpresa boa, o fechamento bem feito, como os horários. Com certeza essa prova do circuito tem tudo do puro cross country e é uma das melhores do país. Estou contente com o resultado que conquistei marcando pontos nos dois dias para o campeonato e pelo evento. Ano que vem espero que possamos participar novamente!”, enfatizou o piloto da Honda CRF 450X.

Denisio Casarini/Luís Felipe Eckel (Can-Am) foram os grandes campeões entre os UTVs e da categoria Pro Turbo com o tempo de 05h02min13. “Uma prova muito técnica, muito prazerosa, com certeza esse tipo é onde o piloto gosta de andar", comentou o piloto paulista.

Nos quadriciclos quem comemorou foi Geison Belmont de Niterói/RJ, ele venceu os dois dias da competição com o Can-Am Renegade 1000, seguido de perto por Milton Martens de São Bento do Sul/SC (Can-Am), e a diferença foi de apenas 1s11. "Uma prova bem disputada, no km30 tive um problema com a planilha, precisei reorganizar e, por isso, perdi próximo de seis minutos. Porém, havia uma pequena margem e a vitória foi confirmada com a diferença bem apertada", destacou o piloto que fechou com o tempo de 05h56min51.

Erick Lyn Nevels, observador da Federação Internacional de Motociclismo Latino Americana – FIM-LA, esteve em Lages (SC) para conhecer o Rally Rota SC. “Estou muito contente, quero agradecer a organização e ao André Alcântara com a possibilidade de visitar e observar o evento. Foi uma grande surpresa em poder ver as belezas da região, além de verificar que os competidores gostaram das especiais e é o melhor que um evento pode querer que é de agradar os seus inscritos. A organização preparou um excelente percurso e com muita segurança”, declarou.

Organizador do evento, André Alcântara se mostrou satisfeito com a conclusão da edição. "Estamos felizes por ter conseguido realizar uma prova técnica e receber o elogio dos competidores, parceiros e patrocinadores, pois foi uma prova bastante difícil, tínhamos tudo pronto há quase 60 dias, levantamento e autorizações, como também uma quilometragem maior, mas tivemos que refazer do zero devido uma sequência de chuvas que assolaram a região, derrubando várias pontes e modificando o trajeto”, contou.

“Então, acredito que conseguimos cumprir o nosso papel. Espero contar com a presença de todos na próxima edição que está será novamente em Lages, a qual terá muito mais novidades e atrações", concluiu.

A 6ª edição do Rally Rota Santa Catarina é uma realização da ASCPE -Associação em Prol do Esporte. O patrocínio é da American Oil, Queijo & Cia, Pereira Publicidade Visual, JZago Center, Supermercado Martendal, JA Posto de Ensaio, Kaka Auto Show, Abreu & Garcia Vinhos de Altitude e Zanoello.

O apoio institucional é das Prefeituras Municipais de Lages, Rio Rufino, Bom Retiro, Urupema, Capão Alto, Painel e Bocaína do Sul. Além do apoio do Lages Garden Shopping, Tenco Shopping Centers, Jeep Clube Independentes, Salvamed, Amures - Associação dos Municípios a Região Serrana, Festival de Inverno da Serra Catarina, CDL Lages, FIESC-SESI, Polícia Rodoviária Federal de Santa Catarina e Polícia Militar de Santa Catarina.

A supervisão é da CBM - Confederação Brasileira de Motociclismo, da CBA - Confederação Brasileira de Automobilismo, da FAUESC - Federação de Automobilismo do Estado de Santa Catarina e F.C.M - Federação Catarinense de Motociclismo.

Resultado acumulado do Rally Rota SC 2017 (primeiros colocados):

Carros

1) #310 Luiz Facco/Humberto Ribeiro, Acelera Siriema, Protótipo T1, 04h51min55
2) #311 Glauber Fontoura/Minae Miyauti, FD Rally, Pró Brasil, 05h01min10
3) #360 Sérgio Gugelmin/Gustavo Gugelmin, Production T2, 05h10min22
4) #321 André Miranda/Alison Pedroso, Faster Rally Team, Pró-Brasil, 05h12min33
5) #359 Paulo Roberto Goes/Jhonatan Ardigo, RHBrasil, Production T2, 05h18min38

Resultados completos: www.rotasc.raceweb.com.br

SIG Comunicação
Silvana Grezzana Santos
Foto: Lisandro Garcia

Nossos canais

Rally Cross Country 2017

Março

12 Barretos
Abril 09 RN 1500
Maio 07 Cuesta
Julho 02 Rota SC
Agosto 20 Sertões
Novembro 12 Rota Sudeste
Dezembro 03 Amigos