Pai e filha vão representar Santa Catarina na abertura do Brasileiro de Rally

Pai e filha vão representar Santa Catarina na abertura do Brasileiro de Rally

User Rating: 0 / 5

Competição começa no final do mês e reunirá competidores em Araucária/PR

O rally tem significado na sua origem, uma reunião de amigos. Neste sentido, a equipe catarinense, ProRomi Motorsport, de Florianópolis/SC, compete não somente entre amigos, como em família.

Julio Romi é natural do Uruguai e reside na capital catarinense há algum tempo. Romina, a filha, também nasceu lá, mas igualmente reside em Florianópolis. O pai compete no rally há mais tempo. A filha estreou em 2020. O primeiro carro dela, o Ford Focus já foi também pilotado pelo pai.

A ligação é grande entre os dois. “Eu busco aprender com ele, como estou começando neste esporte, os ensinamentos do meu pai são importantes, em todos os sentidos, não somente na pista, mas também fora dela”, conta Romina.

Veja também:

Única piloto mulher no Brasileiro de Rally de Velocidade é de SC Única piloto mulher no Brasileiro de Rally de Velocidade é de SC
Romina Romi terá navegação de outra mulher na etapa de abertura da competição, a gaúcha Lucivane Balena...
Scuderia Rossi busca o bicampeonato do Brasileiro de Rally Scuderia Rossi busca o bicampeonato do Brasileiro de Rally
Motivados pela conquista de 2020, Rossi e Tonial apontam expectativa positiva para nova temporada que começa no final de semana...

Julio nunca escondeu a alegria de ver a filha competindo. “Um sonho”, resume. Mas ele também aprende com a filha. “Eu acredito que ali nos boxes, eu sou o lado mais ‘zen’, a que busca tranquilizar meu pai antes das corridas”, brinca Romina.

E no final deste mês, os dois estarão na pista, cada um em uma categoria, em um carro, competindo na etapa de abertura do Campeonato Brasileiro de Rally de Velocidade, que acontece na cidade de Araucária/PR.

Romina vai formar uma dupla totalmente feminina, com a navegadora gaúcha Lucivane Balena. “Significa muito para nós, é um orgulho poder representar as mulheres neste esporte. Estou muito feliz por isso, pela parceria com a Lucivane, competir como dupla feminina em um esporte onde a grande maioria são homens, é representantivo”, destaca Romina.

Julio andará com outro gaúcho, o navegador Murilo Spironelo. “Vamos a Araucária com o propósito de completar o rally. Em 2020, nosso melhor resultado foi em SC, quando optamos justamente pela estratégia de concluir, porque nossa categoria (Rally 2 – 4x4), é muito forte, muito competitiva”, completa Murilo.

A programação do Rally Araucária começa na sexta, dia 30, com os competidores fazendo o reconhecimento das especiais e segue com corrida dupla, entre o sábado e domingo, dias 31 de julho e 1º de agosto. Será a volta de Araucária ao calendário nacional, sete anos após sua última realização.

A Pro Romi Motorsport vai competir no Rally Araucária com o apoio da Maxxis Pneus, Automecânica Francesa, YouRace Brasil e Rox. A equipe também representa as marcas Sabelt, Doppler e Stilo.

Prime Comunicação
Texto e foto: Edson Castro