Velocidade

Campeonato Brasileiro de Rally


Mais de 200 crianças recebem orientações de competidores de rally em ação da equipe ACSA

Estudantes da Escola Haidée Tedesco Reali, em Erechim, tem encontro com a dupla Fábio Dall Agnol e Marcelo Dalmut

Enquanto não é dada a largada para a segunda rodada dupla do Campeonato Gaúcho de Rali de Velocidade, que acontecerá em Erechim, na próxima semana, entre os dias 23 e 27, a equipe ACSA Rally Team (Erva-mate Cristalina/Posto de Molas Erechim, com financiamento da Secretaria de Estado da Cultura, Turismo, Esporte e Lazer, por meio do Pró-esporte RS - Lei de Incentivo ao Esporte), da dupla Fábio Dall Agnol/Marcelo Dalmut vai tendo uma série de atividades fora das pistas.

Nesta terça-feira, a dupla esteve conversando com cerca de 210 estudantes, da escola Haidée Tedesco Reali, também de Erechim. A intenção foi de levar uma mensagem social aos estudantes de escolas públicas. Crianças de 5º a 7º anos, participaram da ação “Acelerar na Pista”.

A intenção é levar até aos estudantes a mensagem de que é preciso ter consciência que o automobilismo não se pratica nas ruas, e sim em locais adequados. “Nossa meta é fazer com que eles comecem a despertar desde cedo, para um trânsito melhor, mais seguro e humano. A prática saudável do automobilismo é a mensagem que queremos deixar em nossas palestras”, destaca Fábio Dall Agnol.

Marcelo Dalmut amplia que é importante repassar aos estudantes o conhecimento que a equipe tem sobre competição e trânsito seguro. “É fundamental que eles consigam levar daqui (sala de aula), uma mensagem de que precisamos ter o máximo de cuidados no trânsito”, frisa.

A professora Potira Costa Delazeri, também vice-diretora da escola, enfatizou que o conhecimento adquirido pelo estudantes foi importante. “Muitas duvidas fora dirimidas e certamente vão contribuir para termos uma atitude diferente no trânsito”, completou.

No próximo dia 24, a equipe ACSA Rally Team vai ir até a Apae, de Erechim. Lá a meta é mostrar que é preciso haver inclusão no esporte, não importa a modalidade. O projeto, “Inclusão Total”, quer levar ações educativas e de entretenimento para as crianças e adultos com necessidades especiais. A intenção é fazer com que todos tenham acesso as mais diversas modalidades esportivas, incentivando a inclusão.

Depois disso, a equipe disputa o Rally de Erechim. Na quinta, dia 24, haverá a famosa largada promocional, que costuma reunir muita gente na praça central da cidade. Na sexta, dia 25, além de treinos, também o primeiro dia de prova, com o super-prime noturno. E no sábado e domingo, dias 26 e 27, 12 especiais para apontar os vencedores do rali, que pontua também para os campeonatos Sul-americano e Brasileiro.

Esta ação integra o Projeto ACSA Rally Team 2018, que é financiado pelo Governo do Estado do Rio Grande do Sul por meio do Pró-Esporte RS LIE.

Texto e foto: Edson Castro
PrimeCom